EDITORIAL

SOMOS MUITOS...
Uns como civis,
outros militares,
de todos os continentes
e cores, feitios,e ideologia
, de um lado ,de ambos, ou
do outro lado da barricada,
ou de nenhum dos lados...
Este é o espaço de todos os que
em algum tempo da sua vida comungaram passageiramente, ou enraizadamente do solo e cultura do ex-ultramar lusitano...
do brasil a timor, de macau à india...
Na crisa do sol e da chuva,
da lua e da brisa do mar,
comungamos todos esse olhar sem fim
de esperança na Humanidade...
DESERDADOS DA FORTUNA...
Refractários talvez...
DESERTORES? NUNCA !!!

digite uma palavra

toque

Ocorreu um erro neste dispositivo

Radios do Brasil ao vivo

quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

RUI TEIXEIRA – o escritor de Argivai , de Macau e do Mundo…

imageimage

imageimage

image

       de           RUI DE AZEVEDO TEIXEIRA

 

      HOMEM DE GUERRA E BOEMIO

                 JAIME NEVES

imageimage

 

Comentários ao Livro

 

Opiniões sobre

HOMEM DE GUERRA E BOÉMIO – JAIME NEVES POR RUI DE AZEVEDO TEIXEIRA

Manuel Alegre, poeta:

“Li-o de uma assentada. É um romance, um grande romance

Ramalho Eanes, general:

“Tudo isto, somado à sua experiência de vida, permitido terá que o autor produzisse esta obra, a um tempo tão erudita quão popular”

António-Pedro Vasconcelos, cineasta, homem de cultura:

“…o encontro de um grande escritor e um grande soldado…”

José Moura Calheiros, cronista, economista, coronel:

“…uma biografia magnífica…uma escrita magnífica…”

David Martelo, historiador, coronel:

“…uma qualidade superior no plano literário…uma descrição muito fiel do “Neves”…”

João Almeida Bruno, general:

“A sua sabedoria das coisas da vida e a sua cultura polifacetada dão ao livro movimento, suspense e realismo…”

Gabriel Rui Silva, doutor em Literatura Portuguesa:

“O livro comoveu-me”

José Moraes Alçada, homem de negócios:

“…bem escrito, honesto, não receando ou evitando as verdades e a realidade”

José Barbado, advogado:

“Grande, grande prazer ao lê-lo…”

Luís Aguiar, alto funcionário do Ministério da agricultura :

”Li o livro de um sopro. …uma vívida, pitoresca e colorida descrição dos Portugueses deste período…ensina Portugal tanto aos crescidos como aos putos”

Manuel Ferreira da Silva, coronel, advogado, bibliófilo:

“Muito me sensibilizou”

José Ferreira, licenciado em Letras, alto funcionário do Ministério das Finanças:

“…transmitir, de uma forma que parece muito natural, o que, na verdade, é uma série impressionante de dados reais, envolvendo outras pessoas com o percurso de Jaime Neves.”

João Cabral, marketeer:

”Bom Livro, bom e digno Livro”

Eduardo Varandas, arquitecto:

” …obra literária que nos dá uma visão detalhada e desenvolvida com mestria sobre uma personagem que…”

Manuel Ferreira, arquitecto paisagista e engenheiro agrónomo:

“Que descrição do homem e da sua “tribo”! Grandioso livro a transbordar a epopeia…”

José Pestana, coronel:

“…a biografia do Autor que nos ajuda a esclarecer o porquê da sua capacidade de coligir de forma coerente e realista, factos de ordem tão diversa numa crónica brilhante globalmente sintética e por vezes mordaz”

Sem comentários: